segunda-feira, 8 de agosto de 2016

Instalar dois antivírus não aumenta a proteção do seu PC

Instalar dois ou mais antivírus no seu computador não aumentará a sua proteção. Pelo contrário, poderá colocar em risco a integridade do sistema e prejudicar o desempenho do PC.

Vírus detectado scanner antivírus
Ameaça de vírus detectada Ver imagem »


Quando se fala em proteção para um computador, a principal ferramenta utilizada pelos usuários é o velho e bom antivírus, software responsável por evitar, buscar, identificar e eliminar ameaças de forma contínua no sistema. Aplicações maliciosas que podem ser transferidas através de drivers ópticos, cartões de memória, dispositivos USB, redes cabeadas ou sem fio, e o principal meio de propagação dessas pragas virtuais, a internet.

Em meio a tantas ameaças circulando pela web, e os inúmeros golpes que amedrontam os internautas frequentemente nas redes sociais, os usuários levam a crer que quanto mais proteção for aplicada ao seu computador, melhor. Isso faz com que várias pessoas acabem instalando dois ou mais antivírus no PC, o que definitivamente não é recomendado pela maioria dos especialistas em segurança da informação.

Quando é feita a instalação de dois ou mais softwares antivírus no mesmo sistema operacional, ao invés de dobrar ou triplicar a proteção durante a navegação na internet, ou aumentar a integridade dos arquivos na máquina, o resultado pode ser o contrário, com esses aplicativos sofrendo efeitos colaterais que vão desde ao mal funcionamento, desligamento dos seus módulos de proteção e anulação da segurança, até mesmo um colapso do computador.

Seguindo uma regra utilizada pela maioria dos antivírus, quando uma ameaça é detectada no PC, ou em algum dispositivo conectado a ele, o software de proteção normalmente exibe uma mensagem que permite ao usuário bloquear ou simplesmente excluir o arquivo malicioso.

“Para ser eficaz no trabalho de detecção, o antivírus deve poder penetrar no computador em um nível adequado, no fundo do núcleo do sistema. O produto precisa interceptar eventos na raiz dos arquivos. Os dados interceptados então passam pelo motor do antivírus, que os analisa e os compara em um banco de dados para definir se está, ou não, diante de uma aplicação maliciosa. ” Explica o site da Kaspersky Lab, empresa especializada em segurança informática.

Dessa forma, se você instalar dois ou mais antivírus no seu computador, um desses aplicativos, ou todos eles, poderão falhar na execução de duas das suas principais tarefas, detectar e eliminar vírus e malwares no sistema, e a tentativa de instalação de interceptores paralelos para evitar a propagação de ameaças poderá causar danos ao sistema operacional.

O próprio site da Microsoft faz um alerta sobre a importância de não se utilizar dois softwares antivírus instalados no PC. Caso você seja um usuário do sistema operacional Windows, provavelmente já tenha prestado atenção, que ao fazer a instalação de um software de proteção no sistema, o Windows Defender é desativado automaticamente, e caso não instale nenhum antivírus no computador, o Defender se torna o aplicativo de segurança padrão da máquina.

Em relação ao desempenho do PC, ele pode ser prejudicado devido os softwares antivírus analisarem em tempo real todos os arquivos e aplicações que estão sendo executados no sistema operacional. Com dois ou mais programas realizando esse monitoramento ao mesmo tempo, mais recursos do processador e da memória RAM serão consumidos, causando lentidão e, dependendo das configurações de hardware do computador, podendo até travar o sistema.

Outro tipo de problema também pode acontecer, já que os softwares antivírus fazem a leitura dos arquivos através do HD, e no momento em que um desses softwares de proteção faz a análise de dados, outro aplicativo com mesma função não pode efetuar uma varredura do mesmo arquivo ao mesmo tempo, podendo ocorrer conflitos entre os antivírus e causar erros inesperados ao sistema.

Caso você esteja preocupado com o nível de segurança do seu computador, algumas medidas simples devem ser adotadas para garantir a integridade do seu sistema:

  • Verifique se a versão do seu antivírus instalado no computador é a mais recente fornecida pelo desenvolvedor do aplicativo.
  • Confira se o banco de dados de detecção de ameaças está atualizado. Caso não esteja, atualize, vá até as configurações do antivírus e selecione a opção para que essa atualização seja recebida de forma automática. Normalmente, essas informações são atualizadas diariamente.
  • Opte por instalar um software antivírus profissional no seu computador, essas versões sempre apresentam ferramentas mais completas de proteção, o que lhe dará mais segurança.

Se mesmo assim, você ainda acha que a proteção oferecida por um antivírus não é suficiente para garantir a segurança das suas informações, você pode instalar um antimalware no seu computador.

Ao contrário dos antivírus, os antimalwares na sua grande maioria não trabalham em tempo real, o que exige a abertura do aplicativo toda vez que for realizar uma varredura do sistema, diretório específico de arquivos ou dispositivos USB.

Lembre-se, não existe nenhum antivírus 100% eficiente contra ameaças virtuais. O principal método de proteção contra vírus e outros tipos de pragas maliciosas, é você aprender a se prevenir e evitar instalar tudo quanto é tipo de aplicativo no seu computador e tomar bastante cuidado durante a navegação na internet, sempre suspeitando de páginas que possam lhe oferecer algum risco.

Se você já teve essa experiência de instalar dois ou mais antivírus no seu PC e o resultado não foi satisfatório, compartilhe conosco através dos comentários.

Via BBC.


Imprimir ou salvar este artigo como PDF



Shopping



Um comentário :
  1. Olá internauta!

    Antes que eu me esqueça, se você tiver alguma dúvida, sugestão ou informação que complemente este conteúdo, por favor, compartilhe conosco através de um comentário.

    Um abraço!

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do blog DiGa Tech. Ao se manifestar através desta plataforma, você alega estar em conformidade com a nossa política de comentários. Caso fique em dúvida, leia as perguntas frequentes e saiba o que consideramos inapropriado ou ilegal. Viu algum comentário que viola os nossos termos gerais de uso? Então denuncie!